Chacundum é um blog em dolby-stérico de Cláudio Reston, designer-músico e sócio da Visorama Diversões Eletrônicas.

16 de fev de 2002

Bem lembrado, meu pai tem uma foto com o Flávio Migliaccio, vulgo Tio Maneco.

Espera um pouco, já te mostro.
Roberto Marinho, Paulo César Peréio, Doutor Silvana, Fernanda Abreu, Marcelo D2, Ricardo Bomba, Cassula, José Bessa e João Castilho. Já passaram Roberta Close, Jô Soares, Paulo Gracindo e Dé, além dos falecidos Ivon Cury e Cássia Eller (que Deus os tenham). Esses são os que eu lembro de cabeça.

Vizinhança estranha essa a minha.

Update: Jonas Torres (bem lembrado Gisa!), Sheik, Eurico Miranda (segundo Duduzão, também vizinho) Lula Vieira e Marcelinho da Lua andam, ou já andaram por essas bandas.


pós-tudo, 1984 - Augusto de Campos. Gênio.
Sempre desconfie da competência e do caráter daqueles que não sabem reconhecer um novo talento, ou que tratam com desdém a capacidade intelectual e criativa de alguém que não faça parte de sua panela. Sinceramente, não deve ser um bom sujeito.
Boas notícias dos novos amigos enchem de alegria a caixa postal do Chacunda:

. Daniel reinaugura seu site, com novo visú e fotos duca.

. Horse-Face Killa manda avisar que a partir dessa segunda, a Pepa Filmes apresentará na Band um quadro de 5 minutos no programa do bebelol mór. Sensacional, tava demorando pra a mídia começar a reconhecer o verdadeiro valor desses caras.

É muito bom saber tem sangue criativo rolando solto nas veias da rapaziada que tá chegando. Demais.

15 de fev de 2002

Nacionalidade indiana, lógica portuguesa.

14 de fev de 2002

Recebido por email da querida Paulinha:



Mestre Nássara. Que belezinha.
Jorge Perlingeiro
Com samba de primeira!
Craudio Cremílson inaugura seu Pé Sujo, daqueles de azulejos rebuscados nas paredes e um portuga bigodudo servindo no balcão. Crasse.
Alarmismos, boatos, especulações... e algumas verdades.
Dando sequência a esse ótimo carnaval - que teve até a Mangueira como campeã -, a saga continuou em grande estilo, começando com um choppinho no Jobi na companhia do mestre Maurício Valladares - que me presenteou com os cds Vespertine (Björk), Is This It (The Strokes), Uma Odisséia no Inverso Paralelo (Lobão) e Posto Nove (Favela Chic) - e terminando com mais choppinho no Baixo Gávea e Lamas, acompanhado do amigo Tom-B, das perfumadas amigas paranaenses, do cumpadi Ez e da Manu que eu amo.

Que maravilha.

Só faltou você, cara.

13 de fev de 2002

O último dia de folia foi dedicado às Carmelitas, tradicional bloco de Santa Teresa, um carpacciozinho em Ipanema, um choppinho no Braca e fim de noite na Lapa, ao som de Nelson Sargento, velha guarda da Portela, entre tantos outros que fazem a alegria dessa cidade. E sempre com as melhores companhias do mundo.

Sem palavras, hoje eu to cansado, feliz e de alma lavada!

12 de fev de 2002

Se liga, que a MTV tem reprisado várias de suas vinhetas antigas. Salve Jimmy, que presente!

As do gorila carateca são maravilhosas, inclusive.
Sem muitas opções na cidade, eis que resolvo dar um pulo em Botafogo pra encarar um bloco de rua, no intuito de quebrar meu jejum carnavalesco.

Tinha até esquecido o quão bacana, simpático e democrático é o carnaval de rua, principalmente morando no Rio, onde as opções variam dos mais tradicionais e movimentados blocos (como o Simpatia, Suvaco e Bola Preta) aos mais improvisados e mambembes (como esse que eu fui hoje). Divertidíssimo, encontrei velhos amigos, tomei aquela cervejinha de isopor de calçada e curti uma batucada. Aliás, tendo a curtir batucadas de todos os tipos, desde que sejam sinceras e tocadas com uma certa harmonia.

Mas a grande surpresa da noite ficou por conta do encontro mais que inusitado com o amigo Tom-B, no Baixo Gávea! Isso mesmo, o cara está no Rio curtindo uma prainha, tomando choppinho e caindo na folia no seu melhor estilo gonzo. Então... bebamos!

Arquivo do blog