Chacundum é um blog em dolby-stérico de Cláudio Reston, designer-músico e sócio da Visorama Diversões Eletrônicas.

20 de abr de 2002

Nina, Manuela Leão, Fabi, Sandra Iara, Lu Casales e Ana Paixão, aniversariantes desse mês. Ufa, quanta xenti boa. Beijão procês, queridíssimas. :*
As pessoas acham que você está sempre à disposição delas, não interessa se é sabado, domingo, feriado, carnaval, natal ou reveillon.

É bom lembrar que designer não é médico plantonista. Nem moleque de ninguém.
Se você está afim de fazer um programinha típico carioca numa sexta à noite, e não está afim de torrar muitas moedas, uma boa dica é o quiosque Drink Café na Lagoa.

Ontem dei um pulinho lá. Sabia que rolava uma banda de jazz às sextas, mas nunca levei muita fé, sempre achei que era uma coisa meio Sexteto Onze e Meia, farofada.

Rapaz, e não foi que eu mordi a língua? Os músicos eram excelentes (com destaque para o tecladista e o baixista, dois monstros) e o repertório impecável. Só pra citar algumas: The Chicken, Stella by Starlight, Just Friends e uma das versões mais legais que já ouvi de Cantaloupe Island (figurinha marcada nesse tipo de show, e constantemente farofada).

Pra melhorar, rolaram canjas de Continentino e Marcos Amorim, entre outros - todas excelentes. E no final, a surpresa: me doeram singelos R$3,50 no bolso.

É uma ótima dica pra quem é da cidade (ou não), o lugar é agradável e fresquinho, o som não é esporrento ao ponto de ter que berrar pra conversar e ainda tem o visual da Lagoa, um dos pontos mais pitorescos da cidade. Bem legal.

19 de abr de 2002

Dizia o busdoor:

"Se o seu centro de estética não é de qualidade, o nosso Pello Menos é."

Nada a declarar.

Atentem para o logo da empresa. Alguém viu meu sal de frutas?

18 de abr de 2002

Information wants to be Society.
Information wants to be free.
Information wants to break free.
Uma erva natural não pode te prejudicar.

Dica da rapaziada soci do cp288.
O blog do Tom-B subiu o telhado mesmo?
Bambam é a cara do Brasil. Essa é a frase do momento.

Nunca gostei tanto de ser confundido com judeu e italiano.
Siguinficado, extravagança, inguinoranssia, lareira íngrede e coraçães.

Adoro escrever e falar propositalmente errado. E me divertir com pouco também.
Eu ia até comentar o show do Masters of Groove que eu assisti no sábado... mas só ia dizer o óbvio. Foi fodão e ponto final. Levação de som da mais alta qualidade, como eu nunca vi. Quem perdeu, marcou.

Mas se quiser ler um comentário mais inteligente, clique aqui.
Expressão que eu odeio: show ao vivo.

Ué... algum show não é?
Outra palavra que eu adoro: cacofonia. Nada é mais cacofônico que essa palavra.
Uma palavra que eu adoro: axioma. Adoro sua sonoridade.
O Pantone do vizinho é sempre mais verdinho.

17 de abr de 2002

O Chacundum anda meio abandonado, tadinho. O motivo é simples: excesso de afazeres, prazos cada vez mais insanos (podiam limar logo essa palavra do Aurélio, ninguém sabe o que significa mesmo...) e vida sócio-cultural um pouquinho mais intensa que o normal. Mas já já isso passa, a falta do que fazer há de imperar novamente e o Chacundum voltará a ter seus 15 posts diários. ;)

16 de abr de 2002

Stop Stealing Sheep - o livro de Erik Spiekermann, obrigatório para todos os designers (principalmente os aficionados por tipografia), por vinte e uma doletas na Amazon. Garanta logo o seu.
Coisa linda de se ver no centro do Rio:





A movimentada Avenida Rio Branco, interditada para o tráfego em plena terça-feira, num conturbado dia de passeatas e quedas de marquises. Paraíso dos pedestres total.

15 de abr de 2002

Ele não sabe brincar, ele é Cesar Maia.
Motumbo, o verdadeiro Mastroianni.
Da série como as pessoas entendem o nome do nosso escritório:

Hoje eu comi pão com manteiga na chapa. Utilizei pão da padaria Rainha e manteiga Itambé. Estava bom.

Arquivo do blog