Chacundum é um blog em dolby-stérico de Cláudio Reston, designer-músico e sócio da Visorama Diversões Eletrônicas.

4 de fev de 2002

Sou um total aficionado por instrumentos musicais, particularmente por instrumentos de cordas. É um dos poucos fetiches por coisas materiais que eu tenho, muito mais que qualquer parafernália geek encontrada aos montes por aí.

Um instrumento de cordas é como um bom vinho. Não se abre um do bom e sai entornando, assim como não se pega um instrumento e sai tocando todas, existe todo um ritual.

No caso do baixo elétrico: a primeira coisa a ser verificada é a safra (entre 1969 e 1980 a Fender produziu maravilhosos instrumentos, por exemplo), conferir o peso (isso também é importantíssimo para os connaisseurs), as cores, as madeiras usadas, a parte elétrica, o acabamento, a maneira que foi construído (existem diversas técnicas, como neck-through-body, braço parafusado, etc) e até mesmo a quantidade de metal presente.

O próximo passo é mandar aquela sequência 'sol-ré-lá-mi'. Dar um 'mi bordão', sentir o grave... Conferiu a afinação? Ok, agora você provavelmente já se sente à vontade para começar a entornar, ops, errr... digo, tocar.

Existem outros milhões de aficionados por esse mundão afora - alguns famosos como o Sting, outros mais manjados por aqueles que curtem uma boa música. Por isso, a Fender teve a felicidade de criar esse site, uma espécie de Contos da Carochinha Slapeira, com depoimentos de vários baixistas e seus instrumentos maravilhosos. Um presente.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog