Chacundum é um blog em dolby-stérico de Cláudio Reston, designer-músico e sócio da Visorama Diversões Eletrônicas.

25 de fev de 2003

Na semana passada recebi um email perguntando se as fontes da Tipopótamo são mesmo de graça, e se podem ser usadas comercialmente em qualquer projeto. No meio ao caos que se estabeleceu nos meus emails (estou temporariamente sem computador / acesso à internet), eu acabei apagando-o sem querer, antes de responde-lo e sem guardar o remetente.

A resposta é: sim. Você pode usá-las em qualquer projeto, seja ele comercial, experimental ou acadêmico. A única coisa que pedimos é que nos mandem uma amostra do trabalho, para guardarmos carinhosamente em nossos arquivos. O que também não chega a ser uma exigência, é apenas um pedido.

Quando criamos nosso primeiro (e por enquanto único) catálogo, acreditávamos na possiblidade da comercialização de nossas fontes. Doce ilusão. :) Foi quando chegamos a conclusão de que era melhor vê-las sendo usadas por seus simpatizantes do que engavetadas em nossos HDs.

Fazer fonte, dá três prazeres: quando você as nomeia, quando elas ficam prontas e quando alguém as utiliza. O resto é kerning pair.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog